a versão 2 do naPraia... o original começou em http://napraia.blogs.ca.ua.pt
pesquisar neste blog
posts recentes

E com este são 10.000 posts :)

SAPO Campus: uma experiência em desenvolvimento (resumo)

Quem é que na UA conhece o Sapo Campus UA?

"Where we go from here?"

Sapo Campus Escolas: Apresentação de conceito

Videojogos em LabMM 3/NTC/UA

Avaliação: 150 itens por aluno?

E se publicar um post significar alguma coisa para alguém?

Aveiro By Water video

Facebook: like + dislike = ?

arquivos

Fevereiro 2013

Maio 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Quinta-feira, 6 de Julho de 2006
Avaliação da participação on-line em ambientes de e-Learning (parte 3)
(mais um post da série iniciada aqui)

Metodologia pedagógica

Provavelmente nem todos as metodologias pedagógicas utilizadas em ambientes de e-Learning implicam um grande cuidado na avaliação da participação on-line. Existem mesmo algumas estratégias que poderão evitar essa necessidade, embora pedagogicamente talvez não sejam as mais adequadas a este cenário e não explorem algumas das potencialidades que as novas tecnologias da informação e comunicação proporcionam (ver, por exemplo, trabalhos de Rena M. Palloff, Keith Pratt ou Gilly Salmon).

As duas disciplinas que lecciono têm por base estratégias pedagógicas onde a participação e comunicação por parte de todos os intervenientes é essencial para o cumprimento dos objectivos inicialmente estabelecidos. Em cada uma das disciplinas os alunos são confrontados com trabalhos de grupo baseados na resolução de problemas "reais". Para a correcta resolução desses problemas o aluno terá que comunicar com a restante comunidade a vários níveis (professor-aluno, professor-grupo, aluno-aluno dentro do grupo de trabalho, aluno-aluno em espaços públicos e entre grupo).

Com estas estratégias pedagógicas pretende-se que, com o decorrer do tempo, a comunicação e partilha de conhecimentos contribua para a criação de uma verdadeira comunidade de prática (ou comunidade de aprendizagem distribuída como é comum designar em e-Learning).

Neste cenário, a partilha de informação e discussão de conceitos são uma prática essencial, e por isso, o desempenho que os alunos demonstram nos espaços de discussão (fóruns) deve ser alvo de uma análise cuidada e ter um impacto quantitativo na classificação final da disciplina. A avaliação quantitativa poderá ela própria ser também um contributo para estimular a participação dos alunos já que estes sabem que o seu esforço de participação em actividades colaborativas é devidamente compensado na avaliação final.

Na próxima parte falarei das componentes de avaliação existentes nas duas disciplinas.
tags: , ,

publicado por carlossantos às 22:46

mais sobre mim
tags

todas as tags

links
subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post