a versão 2 do naPraia... o original começou em http://napraia.blogs.ca.ua.pt
pesquisar neste blog
posts recentes

E com este são 10.000 posts :)

SAPO Campus: uma experiência em desenvolvimento (resumo)

Quem é que na UA conhece o Sapo Campus UA?

"Where we go from here?"

Sapo Campus Escolas: Apresentação de conceito

Videojogos em LabMM 3/NTC/UA

Avaliação: 150 itens por aluno?

E se publicar um post significar alguma coisa para alguém?

Aveiro By Water video

Facebook: like + dislike = ?

arquivos

Fevereiro 2013

Maio 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Junho 2009

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Terça-feira, 26 de Dezembro de 2006
Professores à distância pela primeira vez?
Julgo que muitos dos alunos de AGA serão professores de um curso à distância pela primeira vez dentro de algumas horas.

Qual é a sensação que têm nestes momentos antes do início do curso?

E a implementação do curso? Está a ser mais ou menos complicado do que inicialmente previam para um curso à distância?

Para terminar... qual a expectativa relativamente aos dias que se aproximam?

(é claro que quem já possui alguma experiência também pode responder a este desafio!)
tags: , , ,

publicado por carlossantos às 23:19

21

De paulo carvalho a 26 de Dezembro de 2006 às 23:28
Para já tenho de referir que é um misto de várias coisas o que sinto neste momento. Volto a referir que em 37 anos de vida nunca ela se me apresentaou tão complicada em termos de tempo pois é absolutamente asfixiante a quantidade de trabalho simultâneo. Por outro lado tem sido espectacular esta experiência de trabalho com ferramentas web 2.0 e, sobretudo, o trabalho de grupo que tem sido fantástico... compensa-se o trabalho árduo com boa disposição e algum divertimento, pois os colegas são um mimo. Quanto ao curso, estamos confiantes que tudo irá correr bem, pois temos um conjunto variado de recursos e tarefas umas mais sérias outras menos e julgamos que os alunos não darão o seu tempo por mal empregue.
No fundo, é isso: muito trabalho, compensado por experiências alucinantes e altamente enriquecedoras... estou exaustamente a gostar muito!!!
Saúde PC


De Jaime Ribeiro a 26 de Dezembro de 2006 às 23:35
Olá!

Pois é, ainda sou virgem nestas andanças. A experiência tem sido muito motivadora, embora muito trabalhosa. O facto de fazermos um curso de matéria que ninguém domina, tornou-se muito laborioso, de forma a exibirmos um produto com qualidade. Neste momento, encontro-me cansado mas ansioso pelo feedback que iremos receber. Começar, é sempre algo muito difícil, mas depois queremos sempre aperfeiçoar mais, chegamos mesmo a ser picuinhas, eh eh.
Manusear o BB não se revelou muito difícil, penso o que deu mais trabalho e ansiedade foi mesmo a preparação dos materiais e das actividades e, o "bendito" plano.... É muito bom podermos disponibilizar todos os materiais num único local e os alunos poderem aceder ao seu próprio ritmo, o que anulou a possibilidade de desistências. Quanto aos alunos externos também apresentam perspectivas elevadas, espero não os desiludir.
Acho que vai ser enriquecedor, especialmente verificar as respostas e a aderência ao curso daqueles que não têm a nossa obrigatoriedade de participar.
Num último, acho realmente que as plataformas de e-learning e todas as ferramentas que actualmente existem disponíveis com a utilização das nova tecnologias elevaram o ensino (claro aquele que se pode adaptar à distância) a novas fronteiras.

Bolas fartei-me de escrever!!!!

Saudações, bom trabalho a todos e BOAS FESTAS COM ETIQUETA

Jaime


De Célia a 26 de Dezembro de 2006 às 23:37
Apesar de estar um pouco habituada a estas coisas, confesso que aquela dorzinha na barriga não me é alheia. Espero que tudo corra pelo melhor, mas como em tudo que envolve questões técnicas existe sempre um medo de falhar.

A implementação do curso teve os seus altos e baixos, mas está a ser profundamente interessante. Espero ser boa "aluna" e boa "professora", aliás.... tirei férias nestes dias precisamente por isso, para ter tempo para ser as duas coisas :).

Só espero que todos os cursos corram pelo melhor... e que este cansaço valha a pena :)... vai valer com certeza :)


De Liliana Morais a 26 de Dezembro de 2006 às 23:48
Ser professor a distância...

Ora aí está uma boa questão! A experiência é nula, a expectativa é enorme.

Estamos a ultimar detalhes e o nervosismo já se instalou.

A implementação do curso está a ser, primeiro que tudo, um desafio. Exigiu reflexão e planificação cuidada, a fim de conseguirmos delinear o curso para o pouco tempo de que dispomos para o leccionar. Apesar de os conteúdos não serem muito aprofundados, a sua preparação teve de ser cuidada.

A expectativa é que o que desenvolvemos até aqui seja motivador e fomente uma aprendizagem partilhada e colaborativa. O plano que idealizámos só fará sentido posto em prática, em contexto de aprendizagem. Assim esperamos!


Boas aulas para todos. Sejam todos bons professores e bons alunos, nos próximos dias!


De Nuno Martins a 26 de Dezembro de 2006 às 23:49
Ainda completamente virgem nestas coisas do ensino à distância, creio que o maior problema se prende com o facto de se pretender fazer com que o aluno não se perca quanto estiver em autogestão da sua aprendizagem.
Saber construir um curso de forma coerente e suncinta , para que não fuja do objectivo parece-me, a mim, a tarefa mais árdua!

Espero vivamente que o curso agrade, que os alunos se divirtam e, obviamente, que se aprendam algo desprentiosamente!


De Sannya a 27 de Dezembro de 2006 às 00:02
Sou veterana em cursos presenciais desde que iniciei minha licenciatura no Brasil, mas curso à distância é a primeira vez . Mas já havia me esquecido da sensação de início de curso, que se aproxima do pavor de dar algo errado, de esquecer alguma coisa, da necessidade de ficar até altas hora programando, planeando.
e espero ver que os nosso esforços de elaborar um curso com uma temática interessante tenha bons resultados!!!
A estréia é algo esplêndido! Que apavora, mas que nos lança a pensar nas probabilidades, imaginar hipóteses e toda eventualidade em relação ao que foi pensado. Esta experiência com certeza está sendo única! e creio que mesmo com o calendário apertado entre festas, conseguimos um grande feito. Cansados, mas satisfeitos.
Um abraço e até amanhã!


De Margarida Lucas a 27 de Dezembro de 2006 às 00:09
É isso! Exausto, mas um "exausto" saudável!! Planificar um curso para ser dado à distância tem que se lhe diga..há muitos aspectos para se ter em consideração e, à distância, tudo pode ser mais complicado de resolver!
Esperemos que não! Os cursos já andam aí..as expectativas crescem!
Parabéns a todos (acho que merecemos, tendo em conta o espaço de tempo e a época em que os estamos a realizar) e bons cursos!


De Miguel Ribeiro a 27 de Dezembro de 2006 às 00:47
Olá!
A sensação neste momento é de alguma apreensão pelo facto de não sabermos se aquilo que planeámos e implementámos tem correspondência funcional na prática do curso. Embora sintamos que está tudo pronto (ou quase) há esta incerteza originada, talvez, pela falta de experiências anteriores neste tipo de ensino.
Na implementação do curso as dificuldades maiores relacionaram-se com a organização dos conteúdos e sua ligação no Bb. A decisão quanto à estrutura a adoptar de forma a tornar a navegação o mais intuitiva e lógica possível e, consequentemente, o curso mais "funcional", revelou-se difícil e permanece incerta, até ao momento. As dificuldades "operacionais" relacionadas com o funcionamento do Bb foram sendo superados sem grandes dificuldades.
Na minha opinião o sucesso na implementação do curso (e porque não do curso todo) assenta numa planificação bem pensada e adequada e esta só poderá ser optimizada depois de se conhecer bem as potencialidades da plataforma e das restantes ferramentas disponíveis. Por isso, a tendência será sempre para melhorar.
Quanto às expectativas, penso que o dia de amanhã (ou melhor hoje) será fundamental para percebermos como estão a funcionar os cursos, não só os organizados por nós, mas também aqueles em que somos alunos. Por isso, a expectativa é grande para o 1º dia.
Bons cursos.


De Sandra Vasconcelos a 27 de Dezembro de 2006 às 02:05
À semelhança do que acontece com os colegas sinto um misto de entusiasmo e cansaço. Confesso que ainda tenho algum receio relativamente a algum aspectos do curso pois, sendo uma área nova, não sei se os conteúdos explorados surtirão o efeito desejado. Veremos... creio que amanhã já teremos uma noção melhor de como as coisas vão funcionar.
Bons Cursos
Sandra


De Isabel Barbosa a 27 de Dezembro de 2006 às 02:07
Pois... para não me repetir muito... o cansaço é algum, a ansiedade muita! :-)

Mesmo não sendo a primeira vez, as plataformas tem sempre algumas diferenças... mas penso que o maior desafio está na integração com as ferramentas da web 2.0.

E... depois, os imprevistos acontecem sempre... "à boa maneira portuguesa" :-)
Neste momento sinto-me aliviada... o curso ficou disponível... uma noite quase inteira de sono... nem acredito! LOL

Bons cursos para todos nós!
bjs
isabel


Comentar post

mais sobre mim
tags

todas as tags

links
subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post